segunda-feira, julho 31, 2006

ter estômago


Fonte: www.bps.org.uk/

Como nos dias de hoje é hábito dizer-se, já "está cientificamente provado".

Mas neste caso está mesmo. As universidades de Londres e Newcastle concluíram que os desejos dos homens por determinados tipos de corpo do sexo oposto dependem das condições do seu estômago. De acordo com o relatório da investigação, apresentado no British Journal of Psychology, os homens com mais apetite gastronómico sentem-se mais atraídos por corpos femininos ditos "redondos".

Existem factores biológicos que condicionam a atracção e a situação em que se encontra o estômago masculino tem uma relação directa com o sexo. Deste modo, nas sociedades onde escasseia a comida, as mulheres "corpulentas" são as que gozam de maior sucesso entre os homens. Nos países onde se come mais, a realidade é completamente oposta, ganhando a corrida as mulheres mais magras.

O grande desafio dos investigadores Viren Swami (Londres) e Martin Tovée (Newcastle) é agora tentar descobrir se é possível verificar a mesma realidade no mundo feminino.

Este estudo vem comprovar que uma dieta pode nem sempre agradar ao sexo oposto. Dependerá do seu apetite (por alimentos, é claro!).

2 comentários:

Francisco disse...

Caso se confirme o mesmo quanto ao sexo oposto, espero que o tempo das vacas gordas volte a Portugal...

Anónimo disse...

finalmente o blog foi refrescado. Pode ser que vá no bom caminho.